PR-2

Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa

Universidade Federal do Rio de Janeiro



Museu Nacional reconstrói face de esqueleto "carioca" de dois mil anos
06/04/2018

No dia 22/3, foi apresentada por pesquisadores do Setor de Antropologia Biológica do Museu Nacional (MN) da UFRJ e da Faculdade de Medicina e Odontologia São Leopoldo Mandic a reconstrução digital da face de um homem que viveu em terras cariocas há cerca de dois mil anos. O trabalho foi realizado a partir de um esqueleto em bom estado de preservação encontrado por arqueólogos do Museu, na década de 1980, em escavações no sítio Sambaqui do Zé Espinho, localizado na região de Guaratiba, Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro.

Fonte: site UFRJ

Clique aqui para saber mais.